Notícias

Home / Notícias / Estratégias para dirigir sem causar sobrecarga e dores nas musculaturas

Estratégias para dirigir sem causar sobrecarga e dores nas musculaturas

19Em diversas cidades do país, os moradores convivem diariamente com os engarrafamentos. Nas grandes capitais, como São Paulo e Rio de Janeiro, milhares de motoristas passam mais de uma hora dirigindo todos os dias. Por isso, muitos reclamam de dores musculares ao término de uma jornada como essa.

Na hora dos engarrafamentos é fundamental a adoção de uma postura adequada. Isso, além de evitar a sobrecarga nas articulações, previne o estresse e tensões musculares. Por isso, todo cuidado é importante para a postura ao dirigir. Não apenas para saúde da coluna, mas também para melhorar o desempenho motor e a atenção na hora de dirigir.

Antes de entrar no carro alguns cuidados são necessários:

  • O assento deve ficar de maneira que a coluna permaneça totalmente apoiada e relaxada. Esse cuidado evita lesões nos músculos do pescoço e nas articulações da coluna.
  • O encosto deve ser ajustado de acordo com a altura do motorista, posicionando o topo deste na linha dos olhos. Essa posição impede o movimento da cabeça para frente e para trás, protegendo o pescoço de lesões em caso de uma colisão traseira.

Além disso, outros cuidados são necessários durante o ato de dirigir para prevenir lesões e dores na coluna, pescoço, ombros e joelhos:

  • Os calcanhares devem estar apoiados no assoalho do veículo, para prevenir a sobrecarga da coluna lombar.
  • Certifique-se de alcançar bem os pedais de forma que, mesmo pressionados, os joelhos continuem um pouco flexionados. Mantenha os joelhos no nível do quadril para não sobrecarregar a coluna lombar.
  • Mantenha os braços levemente dobrados ao segurar o volante. A posição correta é medida assim: estique os braços e veja se o volante está na altura dos punhos. Dessa maneira, a musculatura do pescoço é aliviada e, em caso de colisão frontal, não ocorrem lesões.

O problema maior está também quando o trânsito para e o corpo fica imóvel por muitos minutos. Isso pode levar à dores intensas e grande estresse físico e mental. Então, é fundamental exercitar-se no carro, evitando as tensões musculares no trânsito.

Para isso, quando estiver parado, procure movimentar pernas e pés, esticando e dobrando o máximo possível. Além disso, com os pés apoiados sobre o assoalho, movimente a panturrilha ficando na ponta dos pés. Isso ativa a bomba muscular que permite que o sangue circule melhor, evitando dores nessa região.

Para aliviar a coluna, faça movimentos laterais e alongue-se juntando os dois braços a frente e puxando. Aproveite o momento para alongar o pescoço, permanecendo cerca de 20 segundos em cada posição: puxando com uma mão para o lado direito, depois esquerdo, para frente e para trás. Finalizando com movimentos rotacionais.

Não permaneça o tempo todo com as mãos no volante, pois, além de fadigar a musculatura, poderá gerar dores nos braços e coluna. Relaxe soltando os braços ao longo do corpo e alongando os punhos para cima e para baixo. Em algumas pausas, também é recomendado movimentos circulares de punhos.

Fonte: Minha Vida

Voltar